Vestibulares de Inverno 2015

Comentarios:

Home Pra Saber
Vestibular 02

Os vestibulares de inverno 2015 são processos seletivos tradicionais que classificam candidatos a uma vaga em universidade pública ou privada para ingresso no segundo semestre letivo.

Embora os vestibulares mais conhecidos e concorridos aconteçam no verão, normalmente entre os meses de novembro e janeiro, algumas instituições promovem provas de vestibular tradicional no meio do ano, entre os meses de maio e julho.

Conheça alguns dos principais vestibulares de inverno 2015!

Universidade Presbiteriana Mackenzie (MACKENZIE) – São Paulo
Inscrições: 07 a 25 de maio de 2015.
Provas: 11 de junho de 2015.
Resultado: 25 de junho de 2015 (primeira chamada).

Faculdades de Tecnologia (Fatec) – São Paulo
Inscrições: 6 de março a 7 de abril de 2015.
Provas: 5 de julho de 2015.
Resultado: 21 de julho de 2015.

Universidade Estadual Paulista (UNESP) – São Paulo
Inscrições: 6 a 30 de abril de 2015.
Provas: 17 de maio (primeira fase) e 13 e 14 de junho de 2015 (segunda fase).
Resultado: 22 de julho de 2015 (primeira chamada).

Universidade Estadual de Maringá (UEM)– Paraná
Inscrições: 6 a 21 de abril de 2015.
Provas: 5 de julho de 2015.
Resultado: 31 de julho de 2015.

Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) – São Paulo
Inscrições: 8 de maio a 1o de junho de 2015.
Provas: 7 de junho de 2015.
Resultado: 23 de junho de 2015.

Universidade de Brasília (UNB) – Distrito Federal
Inscrições: 24 de abril a 4 de maio de 2015.
Provas: 6 e 7 de junho de 2015.
Resultado: 10 de julho de 2015.

IBMEC – MG – Minas Gerais
Inscrições: ate 26 de maio de 2015.
Provas: 29 de maio de 2015.
Resultado: 9 de junho de 2015.

Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG) – Minas Gerais
Inscrições: 11 de maio a 7 de junho de 2015.
Provas: 28 de junho de 2015.
Resultado: data não informada.

Universidade de Salvador (UNIFACS) – Bahia
Inscrições: até 14 de maio de 2015.
Provas: 17 de maio de 2015.
Resultado: 21 de maio de 2015.

Universidade Ceuma (CEUMA) – Maranhão
Inscrições: 6 de abril a 12 de maio de 2015.
Provas: 17 de maio de 2015.
Resultado: data não informada.

Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS) – Rio Grande do Sul
Inscrições: 6 de maio a 8 de junho de 2015.
Provas: 13 de junho de 2015.
Resultado: 16 de junho de 2015.

Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS) – Rio Grande do Sul
Inscrições: 5 a 29 de maio de 2015.
Provas: 13 e 14 de junho de 2015.
Resultado: 17 de junho de 2015.

Associação Catarinense Fundação Educacional (ACAFE) – Santa Catarina
Inscrições: 13 de abril a 13 de maio de 2015.
Provas: 14 de junho de 2015.
Resultado: 3 de julho de 2015.

Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) – Rio de Janeiro
Inscrições: 8 de abril a 5 de maio de 2015.
Provas: 14 de junho de 2015.
Resultado: 22 de junho de 2015.

Informação obtida nos sites das universidades. Sujeita a mudanças sem aviso prévio.

Outras opções

Quem não quer fazer uma prova do vestibular tradicional para entrar na faculdade tem diversas opções de processo seletivo no meio do ano(vestibular de inverno 2015). Conheça algumas:

  • Sisu: é o Sistema de Seleção Unificada, um programa do Governo Federal que classifica candidatos a vagas em universidades públicas de todo o Brasil usando somente a nota do Enem. O Sisu tem uma edição de inverno e uma de verão e as inscrições são gratuitas.
  • ProUni: o Programa Universidade para Todos usa a nota do Enem para classificar candidatos a bolsas de estudos em universidades privadas. O ProUni tem duas edições por ano: no verão (para ingresso no primeiro semestre letivo) e no inverno (para ingresso no segundo semestre letivo). As inscrições são gratuitas.

Algumas universidades que participam do ProUni:

  • Vestibular Agendado: esta forma de ingresso é bastante comum em universidades particulares. Nela, o aluno faz uma prova mais simples que, como o próprio nome diz, acontece em várias datas e pode ser agendada. O  Vestibular Agendado acontece em várias datas, tanto no começo como no meio e no final do ano.
  • Ingresso via Enem: outra forma de ingresso que vem ganhando adeptos entre as faculdades particulares é o uso do desempenho do Enem como processo seletivo. Nessa opção, o estudante só precisa apresentar sua nota do Enem e, caso atinja a nota mínima exigida pela faculdade, pode se matricular no curso. Algumas instituições estabelecem uma pontuação nas provas objetivas, outras exigem apenas que o estudante tenha participado do Exame, com nota maior do que zero na prova de redação.

Veja também:
Faculdades que aceitam a nota do Enem

Você vai tentar fazer o vestibular de inverno? Conte para a gente aqui nos comentários!

 

Deixe uma resposta