Você já ouviu falar em financiamento estudantil?

Comentarios:

Home Pra Economizar
Finanças 4

Ter a possibilidade de concluir uma graduação um pré-requisito para qualquer pessoa que busque uma boa colocação no mercado de trabalho. Atualmente, cursar o ensino superior está mais acessível a todos. Em contrapartida ao número limitado de vagas das universidades federais, surge uma opção para aqueles que precisam de ajuda para de bancar as mensalidades de uma faculdade particular: o financiamento estudantil, uma modalidade de crédito oferecido aos alunos que garante que você não deixe de estudar em função de dificuldades financeiras.

O financiamento estudantil ainda é algo novo no Brasil e foi implantado no fim da década de 90 através do Programa de Financiamento Estudantil (Fies), oferecido pelo governo federal. Recentemente, ele foi aprimorado e não atinge somente estudantes de baixa renda – que são priorizados -, mas também aqueles que sentem que pode pesar muito o pagamento integral de uma mensalidade.

É possível conseguir o financiamento de até 100% do valor da faculdade, mas porcentagens menores também são possíveis. Em âmbito privado, existe o fornecimento de financiamento estudantil através do programa PRAVALER, que é igualmente importante.

O financiamento é um empréstimo concedido a pessoas que acham muito pesado ou simplesmente não tem condições financeiras de arcar com os custos integrais das mensalidade em uma instituição de ensino particular.

Dessa forma, questões financeiras não são mais um empecilho para a realização do sonho de buscar um curso superior. Estamos habituados a realizar diversos tipos de financiamentos para obter conquistas importantes, como casa própria, carro, eletrodomésticos e apartamentos. Então, por que não estender aos nossos estudos, que são uma parte essencial de nossa vida? É a oportunidade de concretizar seu desejo de se preparar para exercer a profissão que mais lhe agrada através de um meio que está completamente ao seu alcance.

O mercado de crédito educativo no Brasil ainda abarca um número consideravelmente restrito de pessoas. A tendência é que esse instrumento se popularize cada vez mais em âmbito estudantil, considerando que 90% das universidades do país são particulares.

Por ser uma linha ainda recente no país, ainda tem muito a crescer e ampliar o número de concessões. Em países como os Estados Unidos e alguns países da Europa, como Portugal e Alemanha, grande parte dos estudantes possuem acesso a financiamentos e concluem a universidade com facilidade.

O Brasil precisa espelhar-se nestes exemplos. O país só tende a ganhar, na medida em que a população se sente mais realizada por poder buscar a satisfação profissional através da especialização em um curso superior, além de aumentar o número de profissionais qualificados, com boas carreiras e melhores chances de crescimento.

Portanto, agora os problemas financeiros não são mais um empecilho nos seus estudos!

 

Quer saber quanto custa a faculdade dos seus sonhos? Acesse www.portalpravaler.com.br e faça uma pesquisa!

Deixe uma resposta